Para aposentados e pensionistas da Petrobrás, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Ultrafértil

Possibilidade de ação indenizatória em face dos Fundos de Pensões Petros, Previ e Funcef visando reparação pela não integralização de verbas remuneratórias na complementação de aposentadoria complementar recebidas na justiça do trabalho.

Os aposentados que tiveram reconhecidas verbas remuneratórias na Justiça do Trabalho, fica evidenciado o prejuízo causado pelo ex-empregador que deixou de pagar as verbas salariais quando deveria, o que reflete não apenas no ato ilícito diretamente do contrato de trabalho, mas também no fundo de pensão complementar, pois tais verbas não foram inclusas no cálculo da renda mensal inicial no momento da aposentadoria.

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.

Abrir chat
Precisando de ajuda?
Atendimento Soeli Ingracio Advocacia
Olá!
Como posso ajudá-lo?